Escola de Ecografia Músculo-esquelética da Sociedade Portuguesa de Reumatologia (ESPER)

1. ENQUADRAMENTO DA ESPER
A ecografia músculo-esquelética é uma ferramenta fundamental no diagnóstico e orientação terapêutica dos doentes com doenças reumáticas. Trata-se de um
exame não invasivo, rápido, de baixo custo, dinâmico, porque realizado em tempo real, e passível de ser repetido, com grande aceitabilidade por parte dos doentes.

Em muitas situações clínicas existe vantagem de que o exame seja realizado por Reumatologistas, aumentando a rentabilidade diagnóstica e as utilizações
terapêuticas desta técnica.

A ecografia do aparelho locomotor expandiu também o conhecimento sobre muitas doenças reumáticas e é neste momento também um instrumento importante na investigação científica no campo da Reumatologia.

2. OBJETIVOS DA ESPER

a) Promover a formação dos Reumatologistas em ecografia do aparelho locomotor, com possibilidade de extensão a outras especialidades
b) Fomentar a prática e investigação na área da ecografia do aparelho locomotor
c) Contribuir para a certificação da ecografia do aparelho locomotor

3. CONSTITUIÇÃO DA ESPER
A constituição do grupo inicial de formadores da ESPER foi definida em 2009. Foi solicitado a cada Diretor de Serviço/Unidade de Reumatologia onde se
realizasse de forma regular ecografia músculo-esquelética, que indicasse um especialista de Reumatologia com experiência na realização de ecografia. A indicação inicial dos formadores, feita pelos Diretores de Serviço, atendeu a:

a) Competências técnicas, adquiridas em instituições com mérito científico na área da ecografia músculo-esquelética e/ou Curriculum nesta área;
b) Capacidades formativas;
c) Capacidade de relação interpessoal e motivação para a formação e ensino;
d) Disponibilidade para as ações de formação iniciais (75 horas);
e) Disponibilidade para realizar atualizações periódicas. Cada formador deveria realizar pelo menos uma ação de formação anual, de nível avançado, com acreditação internacional.

4. CRITÉRIOS DE MANUTENÇÃO DO ESTATUTO DE FORMADOR
Para a manutenção da capacidade formativa considera-se essencial atingir um patamar de formação avançado, a manutenção da prática clínica regular desta
técnica e a participação ativa como formador nas diferentes ações da escola.

Consideram-se critérios de manutenção do estatuto de formador da ESPER os seguintes pontos:

a) Participação regular nas ações de formação promovidas pela ESPER
b) Realização regular de ecografias, com um mínimo de 250 ecografias/ano
c) Participação em trabalhos científicos na área da ecografia músculo- esquelética, traduzida na coautoria ou autoria de trabalhos científicos.

O formador que não cumpra os pontos acima citados deverá ser convidado, pelo Coordenador, a abandonar o corpo de formadores.

5. CRITÉRIOS DE SELECÇÃO DE NOVOS FORMADORES
A ESPER constitui uma estrutura aberta aos Reumatologistas que tenham interesse em ser formadores. Entre 2009 e a atualidade, a equipa de formadores
investiu muitas horas no seu próprio treino, na prática clínica da ecografia músculo- esquelética e na formação de outros Reumatologistas nesta área. Para garantir a manutenção da qualidade da equipa de formadores, consideram-se critérios de admissão de novos formadores da ESPER:

a) Curso avançado de ecografia da EULAR e Curso de formação de formadores da EULAR (“Teach the Teachers”). Em circunstâncias em que a ESPER não
tenha um número suficiente de formadores, podem ser admitidos, a título excecional, candidatos com o curso avançado de ecografia da EULAR, mas que
ainda não tenham o curso de formadores (“Teach the Teachers”), comprometendo-se a adquirir essa formação no prazo de 2 anos após o ingresso como formador da ESPER
b) Realização regular de ecografia músculo-esquelética com um mínimo de 250 ecografias/ano
c) Capacidades formativas
d) Capacidade de relação interpessoal e motivação para a formação e ensino
e) Disponibilidade para participar nas ações de formação da ESPER
f) Interesse e motivação para realizar atividade científica na área da ecografia
g) Disponibilidade para atualizações periódicas

O candidato deverá submeter um requerimento ao coordenador da ESPER contendo a informação acima citada. Os candidatos serão admitidos como novos formadores sempre que seja necessário aumentar o número de formadores da ESPER para o seu melhor funcionamento.

6. ORGANIZAÇÃO
O Coordenador da ESPER é nomeado pela Direção da SPR, por proposta dos elementos constituintes da ESPER, por um período de 2 anos. As funções
cessam com o fim do mandato dessa Direção. O Coordenador pode ser nomeado pelas Direções subsequentes, tendo sempre em conta a vontade dos
elementos da ESPER.

O Coordenador terá a colaboração de mais dois elementos, por ele escolhidos. Terão como funções a organização das diversas ações de formação, pugnarão
pelo desenvolvimento de projetos de investigação e pelo cumprimento dos pontos atrás referidos.

O Coordenador deverá apresentar à direção da SPR no início das suas funções um plano de ação da ESPER para os dois anos seguintes e deverá entregar à direção da SPR um relatório final das atividades da ESPER durante o seu mandato.

ELEMENTOS DA ESPER

Reumatologistas constituintes da ESPER:

  • Fernando Saraiva – Coordenador da ESPER (Centro Hospitalar Lisboa Norte/Hospital de Santa Maria)
  • Inês Silva – Co-coordenadora da ESPER (Centro Hospitalar Lisboa Ocidental/Hospital Egas Moniz)
  • Margarida Silva – Co-coordenadora da ESPER (Instituto Português de Reumatologia)
  • Dina Medeiros (Instituto Português de Reumatologia)
  • Filipa Teixeira (Unidade Local de Saúde do Alto Minho)
  • João Dias (Centro Hospitalar Médio Tejo)
  • Margarida Oliveira (Centro Hospitalar Cova da Beira)
  • Miguel Sousa (Instituto Português de Reumatologia)
  • Cláudia Miguel (Instituto Português de Reumatologia)
  • Rita Barros (Centro Hospitalar Lisboa Norte/Hospital de Santa Maria)
  • Marcos Cerqueira (Hospital de Braga)

Todos os formadores da ESPER efetuaram com sucesso o Curso Avançado e o Curso de Formadores (Course for Ultrasound Trainers in Rheumatology – Teach
the Teachers), da EULAR.

FORMAÇÃO INTERNA

1º Curso de Formação de Formadores – Lisboa, 18 a 20 de março 2010. Formadores:
Eugenio de Miguel, Esperanza Naredo, Ingrid Moller e Carmen Moragues

XXIX MUSOC International Week of Ultrasound – Cancún, julho de 2010

2º Curso de Formação de Formadores – Lisboa, 30 de outubro a 1 de novembro de 2010.
Formadores: Esperanza Naredo, Ingrid Moller, Carmen Moragues e Annamaria Iagnocco

MSUS – Make an Autopsy of your Musculoskeletal Ultrasound Skills – Barcelona, fevereiro de 2011

3º Curso de Formação de Formadores – Aveiro, 2-4 de abril de 2011.
Formadores: Carlo Martinoli, Esperanza Naredo, Ingrid Moller

Curso Inter e Intraobservador da ESPER – S. Miguel, 24 a 26 de agosto de 2012.

Participaram elementos da ESPER e o treino inter e intraobservador foi realizado com supervisão das Dras. Esperanza Naredo e Ingrid Moller

2º Treino Interobservador da ESPER – Lisboa, 17 e 18 de maio de 2013 Sonoanatomy – Hot Topics in Musculoskeletal Ultrasound – Barcelona, fevereiro de 2016

3º Treino Interobservador da ESPER – Lisboa, 12 de novembro de 2016

4º Treino Interobservador da ESPER – Lisboa, 11 de fevereiro de 2017

5º Treino Interobservadores da ESPER – Avaliação Ecográfica das Enteses. IX Fórum das Espondilartrites, Tomar, 2 de fevereiro de 2018 Ecografia Músculo-Esquelética en el Deporte – Sant Cugat del Vallès, março de 2018

6º Treino Interobservador da ESPER – Lisboa, novembro de 2018

21º Curso Teórico-Prático de Ecografia Músculo-Esquelética en el Deporte – San Cugat del Vallés, março de 2019

7º Treino Interobservador da ESPER – Torres Novas, julho de 2019

AÇÕES DE FORMAÇÃO PROMOVIDAS PELA ESPER

I Curso Básico de Ecografia Músculo-Esquelética da ESPER. Castelo Branco, 14 a 16 de outubro de 2011 – Patrocínio Abbvie

II Curso Básico de Ecografia Músculo-Esquelética da ESPER. Évora, 27 a 29 de janeiro de 2012 – Patrocínio Abbvie

I Curso Intermédio de Ecografia Músculo-Esquelética da ESPER. Lisboa, 14 a 16 de setembro de 2012 – Patrocínio Abbvie

III Curso Básico de Ecografia Músculo-Esquelética da ESPER. Porto, 19 a 21 de abril de 2013 – Patrocínio Abbvie Curso Monotemático de Ecografia do punho e mão. Lisboa, 24 de janeiro de 2014 – Patrocínio Abbvie

Curso Monotemático do ombro. Lisboa, 19 de setembro de 2014

Curso de Ecografia do Tornozelo e Pé. Lisboa, 6 de março de 2015 – Patrocínio Abbvie

Workshop básico de ecografia músculo-esquelética – IV Simpósio SPR Imagiologia.

Póvoa de Varzim, 14 de maio de 2015 – Patrocínio Abbvie

Workshop avançado de ecografia músculo-esquelética – IV Simpósio SPR Imagiologia.

Póvoa de Varzim, 14 de maio de 2015 – Patrocínio Abbvie

II Curso Intermédio da ESPER. Lisboa, 16 a 18 de outubro de 2015.

IV Curso Básico de Ecografia Músculo-Esquelética da ESPER. Lisboa, 11 a 13 de março de 2016

Workshop Básico de Ecografia Músculo-Esquelética da ESPER. Vilamoura, 4 de maio de 2016

Workshop Avançado de Ecografia Músculo-Esquelética da ESPER. Vilamoura, 4 de maio de 2016

Simpósio de Exames Complementares de Imagem em Reumatologia. Albufeira, 10 de maio de 2017

Curso Monotemático de Ecografia do Joelho. Lisboa, 26 de maio de 2017

1º Curso de Ecografia Músculo-Esquelética Pediátrica da ESPER. Lisboa, 10, 11 e 12 de novembro de 2017

Pré-Cursos do XXº CPR – Simpósio de Imagem ESPER/GoTime. Vilamoura, 5 de maio de 2018

Workshop Básico de Ecografia Musculoesquelética da ESPER – Xº Congresso Nacional de Cirurgia Ambulatória / VIIº Congresso Ibérico de Cirurgia Ambulatória. Lisboa, 27 de maio de 2018

Paediatric Musculoskeletal Basic Ultrasound Course (EULAR endorsed course). Lisboa, setembro de 2018

1º Curso Avançado de Ecografia Músculo-Esquelética da ESPER. Covilhã, novembro de 2018

5º Curso Básico de Ecografia Músculo-Esquelética da ESPER. Lisboa, março de 2019

3º Curso Intermédio de Ecografia Musculo-Esquelética da ESPER. Viana do Castelo, 13 a 16 de novembro 2019

5º Curso Monotemático de Ecografia da ESPER – Cotovelo. Lisboa, 27 de Março de 2020